08 abril 2008

50 games que você tem que jogar no SNES




O Gamer Nintendo apontará para você, jogos que você deve jogar no seu SNES, ou até mesmo no Virtual Console. Se você conseguir materializar o jogo em sua mente e jogar, vale também. Lembrando que em caso de críticas ou mesmo para apontar desleixos é só deixar um comentário que estamos todos atentos

50 - Rock 'N Roll Racing

O jogo de corrida, como o nome implica, tem a trilha sonora representada por grandes nomes do Rock. Enquanto a maioria dos Games seguia o padrão por trás do modelo, assim como Mario Kart, esse jogo trouxe uma câmera totalmente diferente, apesar de trazer todos o sistemas de combate de Mario Kart e uma maior velocidade. As diversas pistas do jogo e a sua trilha sonora excelente ajudam na compra.


49 - Earthworm Jim



O jogo conta a história de uma minhoca (Jim) que recebeu uma roupa espacial e agora tem poderes sub-minhocas. Jim deve salvar uma princesa (não sabemos o Nome). O jogo é no estilo plataforma, e conta com armas e muitas outras coisas nesse jogo muito bem humorado. Escolha certa para os gamers descompromissados.


48 - Teenage Mutant Ninja Turtles IV: Turtles in Time

Os jogos das artarugas Ninja estava entrando em decadência. Então, Turtles In Time atingiu os arcades. O Snes recebeu um Port dessa versão, que adicionava mais fases na mistura, tanto como músicas novas. O jogo se passa em diferentes períodos, desde a idade média até um futuro distante, variando muito entre os cenários para criar um clima bacana para quem joga. É considerado o melhor jogo das tartarugas até então.

47 - Super Punch-Out!!


Esse jogo seguia os padrões do NES. Porém, nada de Mario ou até mesmo Mike Tyson aqui. Com um Little Mac bem diferente do casual, o jogo é diversão na certa. A jogabilidade é muito boa, mas por ser simples acaba estragando o jogo depois que se pega prática.

46 - Street Fighter II: World Warriors



Na época em que Street Fighter era um dos jogos mais comentados, o SNES e o Mega Drive brigavam pela melhor versão do jogo. Mas não podemos, nunca, falar da melhor sem falar da que iníciou essa briga toda. Street fighter II: The World Warriors foi a primeira tradução dos arcades para o console da Nintendo. Falta muitos personagens, mas a mecânica é praticamente a mesma.


45- Super Mario Kart


Esse jogo definiu os padrões desse genero de corrida. Usando um dos personagens do elenco de Mario, você pode detonar seus inimigos com itens nas fases inspiradas em homônimas de Mario 1, 3 e World. O Donkey Kong desse jogo ainda usa fraldas. Todas as pistas que poderíamos imaginar viraram cenários de corrida dessa que, francamente, é a melhor série de corrida do Snes.


44 - Congo's Caper
http://www.mundoemu.org/snes/imagens/images/congo%C2%B4scaper.png
Esse jogo se passa na pré-história e coloca você na pele de um simpático menininho com o cabelo azul (e que incrívelmente não é baseado em um anime japonês...). Passando pelas fases, em um sistema side-scroller, você chega ao chefe final de cada estágio. Os bosses são relativamente medíocries e nem que você queira dá para morrer neles, mas de certa forma a dificuldade de algumas fases compensa isso.


43 - Super Mario World 2: Yoshi's Island



Assim como Mario bros. 2 e Zelda 2, esse jogo mudou totalmente a jogabilidade de seu antecessor Super Mario World. Mas a jogabilidade ficou boa, e viciante. Abusando do Chip FX o jogo construiu um gráfico cartunesco que flui muito mais rápido que o World. A jogabilidade inovadora, os gráficos lindos, mas lindos mesmo parecendo pintados com giz de cera, os personagens cativantes, a trilha sonora matadora, é o jogo que não pode nunca faltar na coleção de ninguém. Uma curiosidade é que ele ensinou muito para o sucessor Mario 64, mas isso falamos outra hora.



42 - Demon's Crest
http://wiimedia.ign.com/wii/image/article/729/729724/bozon-ign-blog-pics--20070220050726533.jpg
Esse jogo é mais uma das obras primas da Capcom para o SNES. Abusando do poderio gráfico do console, ele te coloca na pele de um Gargula que deveria coletar poderes e enfrentar chefes e mais chefes (Capcom sempre foi boa com chefes). Em Side Scroller, esse jogo figura entre os melhores de sua época. A jogabilidade se assemelha muito a de Zelda, porém em 2D, com todas as habilidades do chifrudo.


41 - Actraiser

http://www.wired.com/images/article/full/2007/06/actraiser.jpg

Esse jogo, foi impressionante para sua época. Com gráficos incríveis, você assumia o papel de um deus e devia limpar o mundo do mal, e junto com a população remanescente criar uma nova população. O jogo tinha a música genial de Yuzo Koshiro, e misturava a criação de SimCity com um modo Side Scroller. Aguardamos uma continuação até hoje...
40 - Actraiser 2
http://levelselect.co.uk/wp-content/uploads/2007/09/actraiser2.jpg
A Sequência para o Primeiro jogo melhorou o original em todos os aspectos imagináveis. Com gráficos de dar inveja, e uma música ainda mais envolvente, uma jogabilidade mais trabalhada e muitas outras coisas (assim como os chefes interativos) fazem desse game uma compra obrigatória no seu SNES. O jogo ainda não é disponível no Virtual Console, mas esperamos que em breve ele seja lançado.

39- Megaman & Bass
http://project-reviews.webcindario.com/reviews/rockforte01.gif
Mega Man 8 não veio para o Snes. Mas, se aproveitando de Sprites dele e de outros jogos para o Arcade CPS-2, a Capcom criou um Spin-off, intitulado: Mega Man & Bass. O jogo tinha mais de 10 horas de jogo, imenso para um jogo em Side Scroller. As fases escondiam muitos e muitos segredos, e deviam ser visitadas a cada novo Power-up, e ainda por dois personagens diferentes, Mega Man e Bass, como o próprio nome diz.



38- Castlevania: Dracula X


O jogo posterior ao Super Castlevania 4 é um dos mais decepcionantes da história. Mas ele é bom, não me entenda mal, ele só devia ser excelente. No Controle de Ritcher, você matará diversar criaturas nesse jogo genérico de "Rondo of Blood". Apesar de ser decepcionante, não posso torcer o nariz para a qualidade do jogo. A jogabilidade não é tão fluída como deveria ser, mas nem tudo são rosas mesmo.


37- Super Mario All Stars


O que pode ser melhor que Mario? Que tal 4 jogos do Mario juntos? e com o gráfico melhorado? Super Mario All Stars reuniu Remakes dos Marios lançados até o World, com uma melhora em cada aspecto do jogo. Que atire a primeira pedra aquele que não jogou esse jogo. Ele é até hoje, um dos mais famosos do SNES, com muita gente que comprou, principalmente aqui no Brasil.


36- Final Fight

http://xboxmedia.gamespy.com/xbox/image/article/646/646274/capcom-classics-collection-20050829051119315.jpg
Esse, o famoso game de briga nas ruas, foi levado ao Snes em um port praticamente perfeito dos Arcades. Usando vários golpes, você pode sair quebrando o pau por aí no Maior estilo dos arcades. O jogo é díficil para caramba e conta com chefes muito bem trabalhados (Capcom de novo...)


35- The Legend of The Mystical Ninja

http://dailyscreenshots.de/screenshot/legend-of-the-mystical-ninja-the/snes-1715361
Goemon, estrela sua quarta aventura no SNES. Usando um ótimo visual, uma boa jogabilidade e armas e inimigos inusitados, esse jogo descompromissado é a resposta correta para descansar dos RPG's do SNES. Mas não pense que o jogo é fácil, díficil achar alguém por aí que encarou inteiro.


34- Eartbound



A Estréia de NESS ao mundo. Em um Rpg muito doido, mas também bastante coerente, você encontra uma das aventuras mais longas do SNES, e utilizando os Itens mais estranhos desse (e de outro) mundo. Você combaterá seus inimigos junto com a sua turma. Rpg, mas descompromissado ao mesmo tempo. Ness, personagem principal da trama, viria a aparecer alguns anos mais tarde no Super Smash Bros. Porém, não teve nenhuma sequência para os consoles principais da Nintendo lançada no ocidente.

33- Prehistorik Man

http://www.consoleclassix.com/info_img/Prehistorik_Man_SNES_ScreenShot2.gif

Nesse jogo, você controla um simpático homem das cavernas. Dentre as diversas fases, você deve coletar dinheiro e comida para seu vilarejo e assim como enfrentar o chefe final. Os cenários são variados, mais se passam praticamente no mesmo lugar, apenas com climas diferenciados. A jogabilidade é parecida com a de qualquer outro Side-Scroller, apenas um pouquinho, mas um pouquinho mesmo, mais rápida.

32- Gradius 3

http://www.emunova.net/img/tests/532.png
Esse jogo é um dos melhores Shooters que o mundo já viu. Com muitas, muitas fases e power-ups, esse game consegue divertir os Arcade gamers tanto quanto os casuais. Quem vicia no jogo fica fera mesmo, mas a maioria só se diverte nos chefes e fases bem ambientalizadas.

31- Final Fantasy- Mystic Quest
http://www.consoleclassix.com/info_img/Final_Fantasy_Mystic_Quest_SNES_ScreenShot3.jpg
O retorno em grande estilo de Final Fantasy não pode faltar na sua coleção se você for um fã da série. Se não for, pode escolher outros melhores para jogar, mas não deixe de dar uma olhada nesse aqui. Com vários personagens selecionáveis, chefes pra lá de complicados e alguns (mas são poucos) puzzles legais, pode divertir e muito quem gosta do gênero. Isso sem contar os chefes.


30- Zombies at My Neighbors



Quando Zombies Ate my Neighbors saiu pelas mãos da Konami em 1993, pouca gente deu algum crédito. Acabaram perdendo um dos melhores games de ação de toda a história do console. O design de fases de Mike Ebert é lembrado até hoje pela qualidade técnica e por privilegiar as habilidades do jogador. Não é um game típico de terror. Ele privilegia muito mais o bom humor parodiando clássicos do terror. A jornada de Zeke e Julie é longa e muito divertida. Zombies sofreu censura na Europa para não fazer piada com elementos da cultura de lá. Quem nunca jogou, perdeu um grande game. Mas sempre é tempo de ter boas experiencias e de se divertir um pouco.

29- Art of Fighting
http://www.videogamecritic.net/images/neogeo/art_of_fighting_2.jpg
A cópia mais cara de pau de Street Fighter é um bom jogo! Com um sistema ótimo de combos e especiais, o jogo reuniu o grande Game do Fliperama no SNES. Com Ryo e Robert (Ryo? cade a criatividade hein SNK?) você pode detonar um elenco de primeira. O jogo é encontrado raramente por aí, e a opção no Virtual Console ainda não é disponível. As técnicas são mais próximas, nada de Hadoukens, no máximo "Aosoboukens" que não chegam nem na metade do caminho.


28- Mega Man 7


Um dos melhores jogos do Mega Man que se tem notícia. Pura nostalgia, Willy voltou e cabe a você derrotá-lo pela quarta vez. Lembrando muito Mega Man 2, esse game pode ser considerado o último grande jogo do Mega antes de partir para a saga X. Qualidade excelente do começo ao fim, uma trilha sonora perfeita e gráficos muito bem trabalhados te providenciarão diversão por um bom tempo.

27- Mega Man X


A estréia do azulão em sua forma mais robusta, a saga X. Dessa vez, com mais power ups, mais inimigos e um melhor design das fases, devido a melhoria na jogabilidade, ficou impecável. O novo vilão, Sigma, já se tornou um clássico logo nas primeira aparição. Clássicão absoluto.

26- Mega Man X2
http://jogos.animaniaclub.com.br/imagens/megamanx2_snes.jpg

Aqui está Mega Man X2, brigando com o X3 pelo lugar de melhor jogo da saga X (já que todos os que viriam posteriormente eram horríveis). Com uma seleção um pouco melhor de inimigos e armas um pouco mais chamativas, atravessar as fases chutando a bunda dos robôs nunca foi tão divertido.


25- Mega Man X3


Dos três clássicos para o SNES, esse é o que mais abusa da potência gráfica do console. Pode parecer um pouco simples, mas em muitas partes você será pego de surpresa pelo visual lindo do jogo. Além da primeira participação do personagem mais estilosos da série, Zero, o único robô loiro dos videogames até o momento.

24- Chuck Rock
http://www.videogamecritic.net/images/gen/chuck_rock.gif
Tudo bem, eu sei que o jogo não tem gráficos excelentes, não tem uma trilha sonora a lá Smash bros Brawl, mas vamos concordar, um jogo cômico sempre terá lugar em nossas listas. Falando técnicamente, o jogo é uma muamba para encarar, não tem controle aéreo nos pulos e ainda figura um personagem nada heróico que morre com qualquer arranhãozinho. Mas o que faz mesmo o jogo difícil é sua diversidade, e com isso, ninguém tem o direito de negar que merece ao menos ser jogado.


23- Super Ghouls 'N Ghosts
http://www.gamesetwatch.com/SuperGnG.jpg
O retorno em grande estilo do homem cueca. Digo, o protagonista do jogo que usa uma samba canção. De qualquer froma, como o que nos interessa é o jogo, e não a vestimenta do personagem, este (o jogo) não nos decepciona. Sinceramente, aposto que você já quis gritar durante horas se ja jogou o jogo, se não jogou, não sabe o que está perdendo.

22- Ninja Gaiden Trilogy
http://dorando.emuverse.com/images/ninja-gaiden-trilogy_02.png
O ninja Ryu Hayabusa estrelou três jogos no NES. Enquanto todos esperavam uma sequência no poderoso SNES, não tivemos realmente uma sequência, com todas as letras da palavra, mas, ao melhor estilo Super Mario All-Stars, tivemos todos os três jogos inseridos em um cartucho de SNES. E o melhor? Todos estavam refeitos completamente. Jogue agora mesmo e depois pode partir para o Dragon Swords.


21- Street Fighter II: Turbo

Se eu listei acima o jogo que ajudou na luta contra o 16 bits da Sega, nada melhor que apontar a melhor versão deste mesmo. Estava em uma grande dúvida, a questão era escolher entre a versão com mais personagens, mas uma jogabilidade não tão boa e o com menos personagens mas uma melhoria na jogabilidade. Acho que você já sacou do que se trata, e o escolhido, por motivos óbvios foi Turbo, um jogo que ainda lista entre os de luta mais completos, anos e anos depois de ter sido lançado.


20- Secret of Mana


Um dos meus jogos preferidos. Bom, na época eu amava Final Fantasy e Zelda. Então esse foi a resposta para meus desejos. Com o ambiente de Final fantasy, esse jogo abusa da jogabilidade de um Action-RPG, assim como Zelda e companhia. Mesmo assim ele conta com um sistema de experiência dos Rpg's e muitas outras coisas bacanas. Vale a pena conferir.
19- Tetris Attack
http://duality.quadoshock.com/wp-content/images/photos/ucb-graduation-sp2005/tetris-attack.png

O pai de todos os puzzles finalmente trilhou o seu caminho para o Super Nintendo, console de maior sucesso da época. Diferente do primeiro, não se trata de montar as peças e sim inverte-las para formar três ou mais peças da mesma cor em sequência. O game contou com a ambientalização da série Yoshi Island, mas não tira o brilho do Puzzle magnífico. Um dos games mais divertidos já feitos e um dos primeiros a permitir um modo multiplayer de combate. Grandioso e divertido por horas e horas.

18- Contra III: The Alien Wars



O bom e velho Contra na sua versão mais bombástica, para o console da Nintendo, o famigerado SNES. Bom, se você não gostar de atirar em inimigos que nunca acabam, monstros gigantes e tenebrosos ângulos 2/5,75D que eu nem te garanto que exista, você provavelmente vai amar os gráficos ou a trilha sonora pesada e chamativa. Esqueci de dizer, se você é um daqueles gamers durões, vença o game no Hard e pode mandar o vídeo que agente publica. Ah sim, nada de cheats...

17- Ultimate Mortal Kombat 3

http://images.webmagic.com/klov.com/screens/U/wUltimate_Mortal_Kombat_3.png
Provavelmente a melhor versão do sangrento jogo de Liu Kang e companhia até hoje. Com muitos personagens, um gráficão lindo para a época e muito, mas muito mais opções que os jogos que antecederam. Um clássico supremo e um dos melhores jogos de luta do Super Nintendo, brigava de perto com a versão trilogy para PSone.


16- Doom

http://www.consoleclassix.com/info_img/Doom_SNES_ScreenShot2.jpg
Um dos jogos que provam a capacidade do Snes. Com um visual em primeira pessoa digno de mestre, várias armas e monstros sanguinários correndo atrás de você a todo momento, é um dos games mais assustadores para o SNES. Pode ser um pouco estranho para se acostumar no começo, mas nada que um pouco de prática não melhore. Pode jogar esse e depois todos os outros, eu ainda acho que esse é o melhor Doom já feito.


15- Star fox



Usando e abusando de todo o potencial gráfico do Snes, Star Fox nos mostrou que o já ultrapassado Snes poderia sim fazer polígonos em seus gráficos. Deixando isso de lado, ainda tinhamos uma excelente e fluída jogabilidade, que rodava ao máximo do Chip FX. Poderíamos jogar com Fox, mas tinhamos em nossos parceiros personagens secundários muito memoráveis, como Falco, que até chegou a aparecer no Melee e Brawl. O último chefe, Andross, é um dos mais difíceis e legais de todos os tempos.

14- International Superstar Soccer Deluxe
http://www.meristation.com/EPORTAL_IMGS/GENERAL/articulos/Junio2006-MundialdeFutbolMeristation2006/IMG2-cw448c74eee54b9/iss%204.jpg

Já que não apontamos muitos games esportivos, e estamos no país do Futebol, nada mais justo que apontar o melhor jogo de Futebol do console. Nada do jogo é muito irrelevante, mas o mais importante de um jogo de futebol ele tem, a jogabilidade. Antigamente, era quase impossível ver quem era o melhor em partidas multiplayers em jogos de esporte, pois o controle era muito aleatório e tudo ficava na base da sorte. ISS mudou isso, e nos deu esquemas táticos de primeira. Pode jogar que eu recomendo.

13- Super Castlevania 4


No NES, tivemos o ar da graça de 3 jogos da série Castlevania. Com multiplos personagens, Castlevania 3 foi o melhor de longe. Quando ficamos sabendo que o do Snes, o quarto capítulo da franquia iria apresentar apenas um personagem jogável ficamos meio decepcionados. Mas apesar disso, a jogabilidade estava muito, mas muito mais trabalhada que nos títulos anteriores. Era possível rodar o chicote e muito mais. E a trilha sonora, gráficos e atmosfera fecham o pacote. Vai encarar?


12- F-zero

No auge da Nintendo, as novas franquias não paravam de surgir e com elas, novas possibilidades. Foi nesse meio que surgiu F-Zero, um jogo de corrida com uma sensação extrema de velocidade e um personagem carismático para caramba, o nosso querido Captain Falcon. A trilha sonora é um das melhores para quem gosta de uma adrenalina a mais, coisa que era nescessária para os reflexos exigidos pelo jogo. É um pacote completo e apesar de ser um jogo estilo arcade, tem um valor replay muito alto. Jogue agora!

11- Killer Instinct

http://www.gamepro.com/nintendo/wii/games/features/images/72528-3.jpg
Nessa época a Rare já tinha uma parceria bacana com a Nintendo. Killer Instinct foi um dos frutos desse trabalho. Com um sistema brutal de luta, uma trilha sonora muito bem cuidada e personagens muito carismáticos, o game é obrigatório na sua lista. Isso porque eu nem citei os combos animalescos e os gráficos lindões.


10-Donkey Kong Country


O mercado já estava nas graças do novo console da Sony. O Project Reality estava demorando a sair e o Super Nintendo precisava de um fôlego para se manter no mercado por esse tempo. Foi então que esse fôlego veio pela Rare, com o nome de Donkey Kong Country, um jogo refeito completamente com o gorilão que introduziu a Nintendo nos games. Os gráficos eram magníficos, a jogabilidade, a trilha sonora, TUDO. Se você tem amor pela sua vida, escolha um dos três jogos para o SNES e jogue, essa é a melhor série do console.


09- Donkey Kong Country 2



A continuação do original resultou em um trabalho ainda mais perfeito que o anterior. Dessa vez, a aventura não se passava no reino dos Kongs, e sim, na fortaleza dos Kremlings, lugar aonde King K-rool mantinha Donkey Kong preso. Dessa vez a ambientação era muito mais séria, passando um ar até mesmo melancólico, e a trilha sonora? A melhor do SNES.

08-Donkey Kong Country 3
http://www.armchairempire.com/images/Reviews/gba/donkey-kong-country-3/donkey-kong-country-3-3.jpg

O terceiro episódio fechou com chave de ouro a série. Dessa vez, as fases voltavam ao ar alegre do primeiro jogo, com raras excessões. Apesar de uma decaída na trilha sonora e na jogabilidade, o jogo apresentou o melhor design de fases que eu tinha presenciado até então, e um dos melhores até hoje! Quem se esquecerá das fases no Canyon, aonde devíamos subir por uma corda pegando fogo e ainda desviando das abelhas, genial!

07- Top Gear
http://www.emunova.net/img/tests/326.jpg

Um clássico absoluto no que se trata em corrida. Se você joga hoje em dia Need for Speed, provavelmente não se lembra da época em que juntavamos miúdos para comprar uma peça melhor para nosso carro em Top Gear. As fases em sí não são muito diferentes umas das outras, mas a presença da poliia torna tudo um pouco melhor. Coisa essa que foi adicionado em Need for Speed Most Wanted. Clássico até o dente, vale a pena conferir.


06-Super Mario RPG: Legend of the Seven Stars




Um dos melhores jogos de Rpg do SNES, e de qualquer outro console, só para constar. Apesar do elenco de Mario e cia, Legend of the Seven Stars trazia tudo que um jogo de Rpg deveria apresentar, passado para o papel do úniverso Mario. Todos estavam lá, desde Toad até Bowser, e dessa vez, para enfrentar um novo e completamente diferente vilão. As localidades do jogo são tiradas de passagens antigas da série, mas muitas são novas também. Do nível de qualquer Final Fantasy, jogue se você ama sua vida.

05-Chrono Trigger



Na época em que Dragon Quest e Final Fantasy haviam parado de lançar jogos por um tempo, foi criado uma equipe conhecida como Dream Team, para a produção de um certo jogo. O jogo em questão é Chrono Trigger, um excelente RPG desenvolvido pela Square, e que conta com os traços de Akira Toryiama, responsável pela série Dragon Ball. Os gráficos são lindos e a jogabilidade excelente, com uma trilha sonora perfeita para fechar o pacote.

04-Final Fantasy VI


Final Fantasy VI foi a primeira vez que um RPG tinha elementos épicos, de humor, de heroismo e de fantasia mesclados. Os muitos personagens jogáveis a trilha sonora inspirada e o belo trabalho de jogabilidade fazem desse um dos grandes games de todos os tempos. O design de personagens e localidade é memorável. Simplesmente fantástico.

03- Super Mario World



Super Mario Bros. 3 tinha pego tudo de bom que a série tinha e elevado ao máximo. Mario world ultrapassou em todos e qualquer quesito o terceiro capitulo da série. Simplesmente, o surgimento de Yoshi, fases com saídas diferentes, um design brilhante e um trabalho magnífico de arte, não tem como não gostar desse jogo. Sem falar da trilha sonora viciante pela qual a série é conhecida.

02- The legend of Zelda- A Link to the Past


O Zelda original havia nos trazido muitas coisas boas e interessantes. Como Zelda 2 foi um fiasco, o jeito foi esperar pelo terceiro. Podemos claramente dizer, que Alttp, é o divisor de águas da série Zelda, e também um dos melhores jogos de todos os tempos que se pode ter memória. Com um design Brilhante, horas e mais horas para se explorar Hyrule, 12 dungeons e chefes complexos e gigantescos, não tem como negar que este é um dos mais brilhantes jogos de toda a coleção do SNES.


01- Super Metroid



Com a nova década dos jogos eletrônicos, a Nintendo estava trabalhando ao máximo para reviver suas franquias do já falecido NES. Zelda e Mario já haviam consagrado seu lugar com A Link To The Past, e Mario World, respectivamente. Porém, Metroid estava demorando muito para lançar a sequência, e isso só aconteceu 3 anos depois do lançamento do console. Por mais que fosse esperado uma grande qualidade dessa sequência, ela surpreendeu a todos com um dos melhores games de todos os tempos. Rapido, atmosferico e hardcore, não tem como negar o brilhantismo do game. Imperdível.



Só relembrando que os games não estão em ordem de importância, a ordem é aleatória. Algum game faltou na lista, algum não deveria estar? Opine!

4 comentários:

Neo Raph disse...

Grandes jogos
Recomendo a leitura

Qm tiver um Wii
pegue od disponiveis pelo Virtual Console

Qm não tem vai de Snes 9X e seja feliz

Grande Tobi disse...

Saiu com uns erros mais depois eu arrumo, desculpem...

Ryoshi Hanaki disse...

Ei amigo... vc viajou legal ao dizer que o Megaman(o azulsinho pequeno é o Megaman X... eu sou fãn da Saga X e pelo que sei, a história de Inafune(criador de Rockman) DR. Light fez o Rockman X pq o megaman já estava sofrendo demais com os robos mais fortes (fato o Bass quase fudeu ele uma vez) e por isso, ele fez o X... e para comprovar este fato... o Dr. Willy estava fazendo o Zero... acho que dessa vc nunca sabia pelo jeito né? então... acho que vc deve ver a história do jogo para arrumar isso que vc fez(cara esse fato me incomoda pq uma grande maioria de gente que nom lé a história fala isso ¬¬)

Anônimo disse...

breath of fire
todos